5 slasher movies que todo fã precisa assistir

Você conhece o gênero “Slasher Movie”? Trata-se de uma subcategoria dos filmes de terror que utilizam serial killers como foco central cometendo múltiplos assassinatos violentos por meio de lâminas como facas, facões, machados, etc. É bastante comum que o elenco seja composto por adolescentes e jovens adultos também, o principal target desta categoria. Eu sou uma grande fã destes filmes sanguinolentos e listo para vocês alguns exemplos imperdíveis para quem quer conhecer mais sobre esses clássicos do cinema.

slasher-suspects1

A primeira regra de um bom Slasher Movie é a capacidade de multiplicação de sequencias intermináveis. Sim, estamos falando daquelas franquias longas e que vão se tornando cada vez mais ridículas. Antes que vocês comecem a falar mal deles, lembrem: Se chegamos ao 10º filme, certamente, os primeiros 3 ou 4 foram assustadores o bastante para tornar o assassino uma figura marcante no imaginário juvenil original.

 

Esta é uma lista clássica e sem surpresas, então não me importarei com spoilers, ok? Vamos lá!

05. HALLOWEEN

A franquia estreou em 1978 e, até o momento, jáHalloween_cover produziu 10 filmes, sendo que um deles sequer apresenta o enigmático assassino Michael Myers. A história é centrada na família do assassino que, aos 6 anos de idade, assassina sua irmã e é mandado para um hospital psiquiátrico, do qual escapa 15 anos mais tarde e sai em busca de sua outra irmã, Laurie, para terminar o que começou. A atriz Jamie Lee Curtis, no papel de Laurie, conquistou a fama de “Rainha do Grito”.

Os dois primeiros filmes da série narram uma única história, culminando na suposta morte de Michael, que retorna na quarta parte da série, perseguindo a filha de sua supostamente morta irmã. O quinto filme, que inicia do exato ponto em que o anterior se encerra, culmina na prisão do assassino e sua subsequente escapada com a ajuda de um estranho vestido de preto. O sexto filme se joga de cabeça em uma explicação sobrenatural para a obsessão de Michael Myers.

Em 1998, celebrando o aniversário de 20 anos da franquia, é lançado o 7º filme, que ignora completamente os fatos ocorridos entre o 4º e o 6º filmes, colocando Laurie, agora adulta e mãe de um adolescente, em uma escola particular invadida por Michael. ao final do filme, Laurie arranca a cabeça mascarada do irmão. O 8º filme da série revela que o corpo decapitado era, na realidade, de um paramédico, e que Myers escapou novamente. O filme então dá uma guinada sem sentido e Michael acaba assassinando os participantes de um reality show transmitido ao vivo pela internet, e este é o último filme da franquia original.

Em 2007, o diretor Rob Zombie lançou um remake do filme original e sua sequencia, inserindo sua própria visão e sua linguagem pessoal na relação entre Michael e Laurie, que possuem um conexão quase mística compartilhando visões da mãe.

SALDO DE MORTES:

Halloween (1978): 7 | Halloween 2 (1981): 10 | Halloween 3 – Season of the Witch (1982): 17 | Halloween 4 – The Return of Michael Myers (1988): 19 | Halloween 5 – The Revenge of Michael Myers (1989): 22 | Halloween – the curse of Michael Myers (1995): 15 | Halloween H20 – 20 Years Later (1998): 7 | Halloween – Ressurection (2002): 10 | Halloween (2007): 22 | Halloween 2 (2009): 21

.

.

04. A NIGHTMARE ON ELM STREET (A Hora do Pesadelo)

220px-Nightmare01Que criança nos anos 80 não teve alguns bons pesadelos com Freddy? Ainda me lembro do quão impressionada eu fiquei a primeira vez que assisti a morte do jovem Johnny Depp engolido pela própria cama com um tsunami de sangue pegajoso explodindo por todo o quarto! A franquia de Freddy Krueger conta com 9 longas, incluindo sua batalha com Jason e a refilmagem do original.

O primeiro filme, lançado em 1984, narra a história de Freddy, um assassino de crianças que é absolvido em seu julgamento por uma falha técnica e então queimado vivo pelos pais da cidadezinha, retornando nos sonhos para se vingar a tirar a vida dos filhos de seus executores. Ao final do primeiro filme, a jovem Nancy vence Freddy ao deixar de temê-lo. No ano seguinte, a sequencia do filme traz Freddy de volta à vida ao possuir o corpo de Jesse, que se muda para a antiga casa de Nancy e o usa para cometer os assassinatos até que sua namorada o salva do espírito maligno de Freddy.

No 3º filme, Freddy está terminando seu trabalho ao buscar as crianças da rua Elm, todas elas internadas em um hospital psiquiátrico. Nancy, sobrevivente do massacre original, chega ao mesmo hospital como residente e logo percebe o que está acontecendo com seus jovens pacientes e os ajuda a buscar seus poderes internos para vencer Freddy, o que eles conseguem, mas não antes que Freddy finalmente execute a própria Nancy.

No 4º filme, uma das pacientes sobreviventes, Kristen, transfere seus poderes para uma colega de escola, Alice, que confronta Freddy e consegue libertar as almas de todos mortos por ele em seus sonhos, destruindo Freddy no processo. Já o 5º filme nos mostra Freddy dando poderes ao filho ainda não nascido de Alice, Jacob, para conseguir ressuscitar. O espírito da mãe de Freddy aparece e revela que ele foi concebido quando ela, uma freira trabalhando em um asilo de loucos, foi estuprada por 100 maníacos, e se une aos poderes de Jacob para ajudá-lo a fugir com sua mãe, Alice. O 6º filme mostra a origem de Freddy, tendo sido abusado pelo padrasto e maltratado pelos colegas por seu o filhe de 100 maníacos. é revelado então que ele assassinou a própria esposa, mas não sem antes ter uma filha chamada Maggie, que é a pessoa que consegue tirá-lo do universo dos sonhos e matá-lo no mundo real.

O 7º filme, último da franquia original, se propões a passar no mundo real e traz o próprio Wes Craven bem como os atores que representaram Nancy e Freddy no primeiro filme, fazendo a si mesmos, e descobrindo que a entidade de Freddy Krueger realmente existe e está presa no mundo dos filmes criados por eles e está tentando escapar para a realidade. O filme seguinte já foi Freddy Vs. Jason, um fracasso de crítica e bilheteria que se apresenta quase como uma versão cômica do gênero. Em 2010, foi lançado um remake do filme original.

SALDO DE MORTES:

A Nightmare on Elm Street (1984): 4 | A Nightmare on Elm Street 2 – Freddy’s Revenge (1985): 12 | A Nightmare on Elm Street 3 – Dream Warriors (1987): 6 | A Nighmare on Elm Street 4 – The Dream Master (1988): 6 | A Nightmare on Elm Street 5 – the Dream Child (1989): 3 | Freddy’s Dead – The Final Nightmare (1991): 4 | Wes Craven’s New Nightmare (1994): 4 | Freddy Vs Jason (2003): 26 | A Nightmare on Elm Street (2010): 5

.

.

03. FRIDAY THE 13TH (Sexta Feira 13)

imgresUma das mais longas franquias do cinema, sexta feira 13 trouxe uma novidade para o gênero, uma vez que o serial killer não se apresenta no longa original. Com 13 filmes no total, incluindo seu confronto com Freddy Krueger e a revitalização da série, Jason é um dos maiores serial killers da sétima arte.

A história tem como base o acampamento Crystal Lake, no qual Jason Vorhees se afoga, ainda criança, enquanto os monitores estão ocupados demais transando. O primeiro filme apresenta a mãe de Jason como assassina, no final de semana que antecede a reabertura do acampamento, eliminando os monitores antes que possam colocar em risco outras crianças. a última sobrevivente entre as vítimas, Alice, consegue decapitar a Sra. Vorhees e se salvar do massacre. A sequencia mostra que Jason, na realidade, está vivo e vivendo escondido na mata que circunda o acampamento. Ele segue a sobrevivente Alice e a mata para vingar a morte da mãe, retornando para seu esconderijo e aguardando 5 anos até que um novo grupo de monitores surge para reabrir o acampamento. Jason os massacra até restar apenas uma adolescente, Ginny, que descobre o esconderijo do assassino com um altar construído ao redor da cabeça da mãe. Ginny atinge Jason no ombro e o deixa para morrer enquanto é resgatada em uma ambulância. continuando do exato momento em que o filme anterior encerra, a 3ª parte mostra Jason, com o ombro ferido, se escondendo em uma casa de campo nos arredores, no qual encontra uma máscara de hockey para esconder sua face enquanto invade a casa para matar todos os amigos de Chris, a dona da casa. A batalha final entre Chris e Jason culmina na garota acertando a cabeça dele com um machado e sendo levada pela polícia em estado de histeria. O filme seguinte se inicia no necrotério para o qual o corpo de Jason é levado. No entanto, ele está vivo, e remove o machado de seu corpo, retornando para Crystal Lake e assassinando um grupo de adolescentes que está de férias na região. A batalha final é entre ele e dois irmãos que moram na região, sendo morto por Tommy, um dos irmãos.

O filme seguinte segue Tommy para a instituição mental no qual foi internado após o choque de seu confronto com Jason. Dentro do hospital, um homem cujo filho foi assassinado por um dos pacientes, tem uma crise histérica e assume a persona de Jason, se tornando um assassino imitador, a quem Tommy derrota novamente. Jason retorna no filme seguinte quando, ao visitar o túmulo do assassino, Tommy acaba ressuscitando-o sem querer, gerando uma nova onda de assassinatos na região de Crystal Lake. Tommy enfrenta Jason novamente, prendendo-o a uma rocha e jogando-o no lago, deixando-o para se afogar.

Jason é ressuscitado uma segunda vez no filme seguinte, por uma jovem que está tentando trazer o pai de volta à vida, coincidentemente tendo se afogado no mesmo lago que Jason. Após um novo massacre, Jason retorna ao fundo do lago para morrer. O filme seguinte o traz de volta à vida pela terceira vez e o remove da região de Crystal Lake à bordo de um cruzeiro de formatura que leva um grupo de jovens para Manhattan. Jason massacra toda a tripulação e os estudantes, perseguindo os últimos dois sobreviventes pelos esgotos de Nova Iorque até derreter em meio ao lixo tóxico das tubulações.

O filme seguinte entra no âmbito sobrenatural de uma forma mais descarada. após ser morto pelo FBI, mas utiliza a possessão para transferir seu coração negro de pessoa para pessoa. Nos é revelado então que ele possui uma irmã e uma sobrinha e que elas são a chave para conseguir seu corpo de volta. Jason consegue ressuscitar a si mesmo mas sua sobrinha o esfaqueia com uma adaga mística que acaba arrastando-o para o inferno.

Do místico para o sci-fi, Jason X segue com a história de Jason, desta vez no futuro, misturando o corpo do assassino com elementos nano robóticos que o transforma em um super assassino no espaço. Ele é lançado na atmosfera após a batalha final, mas acaba caindo no “Planeta Terra 2” em um lugarzinho que muito se assemelha à Crystal Lake. Em seguida, temos Freddy Vs Jason, que não tem nada a ver com nada.

A refilmagem lançada em 2009 em nada se assemelha ao original de 1980, apresentando Jason logo do início, já vestindo sua famosa máscara e – pasmem – mantendo uma garota como refém que acaba sobrevivendo ao massacre. Vai entender!

SALDO DE MORTES:

Friday the 13th (1980): 10 | Friday the 13th – Part 2 (1981): 10 | Friday the 13th – Part 3 (1982): 12 | Friday the 13th – The Final Chapter (1984): 14 | Friday the 13th – A New Beginning (1985): 19 | Friday the 13th – Jason Lives (1986): 19 | Friday the 13th – the New Blood (1988): 16 | Friday the 13th – Jason Takes Manhattan (1989): 21 | Jason Goes to Hell – The Final Friday (1993): 27 | Jason X (2001): 25 | Freddy Vs Jason (2003): 26 | Friday the 13th (2009): 15

.

.

02. THE TEXAS CHAINSAW MASSACRE (O Massacre da Serra Elétrica)

imagesUtilizando uma linguagem de documentário no filme original, o Massacre da Serra Elétrica gerou muita especulação sobre ter sido baseado em fatos reais. Anos mais tarde, foi revelado que o infame Leatherface foi, na realidade, um personagem totalmente fictício baseado no serial killer Ed Gein. No entanto, os boatos que rodearam o filme durante décadas o tornaram um marco do gênero.

O primeiro filme, de 1974, é considerado um percursor do subgênero Slasher, e deu origem a muitos dos clichês que se repetiram nos anos seguintes. O enredo narra a história de uma família de canibais no interior do Texas que sequestra suas vítimas do posto de gasolina que dirigem à beira da estrada. O principal personagem desta família, Leatherface, se tornou um dos mais reconhecidos vilões do cinema, caracterizado por sua assustadora máscara costurada de restos humanos e sua arma de escolha – a infame serra elétrica. O segundo filme da série se passa 13 anos após os fatos apresentados no original e, apesar de não alcanças sucesso de bilheteria, gerou uma legião de fãs que seguiam Leatherface de forma quase doentia. Ao contrário do original, que se colocava como documentário gore, a sequencia trouxe elementos de humor negro misturados com efeitos visuais pesadíssimos.

O terceiro filme da série apresenta um Viggo Mortensen antes da fama na pele de um lindo caronista que ajuda um grupo de jovens a se localizar na estrada antes de ser atacado. O que os jovens descobrem tarde demais é que Tex, personagem de Viggo, é parte da família canibal, e se tornou a mais nova armadilha para atrair grupo de turistas para as mãos de Leatherface. O último filme da franquia original traz Renne Zellweger e Matthew McConaughey antes da fama em uma produção independente e seu roteiro é tão parecido com o original que muitos fãs o consideram um “reboot”.

Oficialmente, porém, o reboot de franquia iniciou em 2003 com uma produção de Michael Bay e, apesar de se basear no original, não tem realmente muito a ver com o roteiro inicial. Chegou a receber uma nomeação ao Prêmio Framboesa como “pior refilmagem ou sequencia”, mas perdeu para As Panteras. Não fosse o bastante, Michael Bay deu continuidade ao desastre e se meteu a produzir o que seria a história de origem de Leatherface, mas tudo que recebeu foi outra indicação aos Prêmios Framboesa.

Quando você pensa que o desastre chegou ao fim, alguém decide provar que você está errado e faz mais um filme para a franquia, desta vez em 3D, inserindo a história logo após os fatos narrados pelo filme original, de 1974, ignorando todos os outros filmes da franquia e se tornando uma piada entre os fãs de Leatherface com seus excessos desnecessários.

SALDO DE MORTES:

The Texas Chainsaw Massacre (1974): 5 | The Texas Chainsaw Massacre 2 (1986): 8 | Leatherface: The Texas Chainsaw Massacre 3 (1990): 11 | The Texas Chainsaw Massacre – The Next Generation (1995): 6 | The Texas Chainsaw Massacre (2003): 8 | The Texas Chainsaw Massacre – The Beggining (2006): 11 | Texas Chainsaw 3D (2013): 15

.

.

01. SCREAM (Pânico)

urlPânico foi a série que revitalizou o gênero para a geração de adolescentes dos anos 90, marcando o triunfal retorno de Wes Craven aos filmes que lhe deram a fama na década anterior. Eu assisti o primeiro filme no cinema umas 14 vezes e mais umas 20 quando saiu na locadora (lembram desse negócio?). Pra completar a sessão vergonha alheia, tinha uma amiga minha tão fanática quanto eu com quem eu compartilhava apelidos secretos com base nos nossos personagens favoritos. Ridículo, né? Pois é!

Além de revitalizar o gênero Slasher, a trilogia inicial era uma grande homenagem aos filmes de terror do passado, com assassinos que respeitavam as regras impostas pelo cinema e homenageavam os grandes títulos que fizeram o terror ser respeitado na comunidade cinematográfica. Prestando atenção, encontra-se diversos Easter Eggs no decorrer do filme original, mesmo sem as referências óbvias como “Psicose” e “Sexta-feira 13”. Um exemplo disso, está na morte do diretor do colégio. Momentos antes de ser estripado por Ghostface, ele escuta um barulho que o faz sair para o corredor no qual o faxineiro, Freddy, está trabalhando com um suéter listado vermelho e verde.

Um diferencial do assassino desta franquia está na multiplicidade de culpados. O elemento comum está na vítima, Sidney Prescott, de modo que as diferentes identidades que a desejam morta assumem a mesma persona em benefício dela própria, contrariando o padrão estabelecido por grandes violões clássicos, como os citados acima.

O primeiro filme da série retrata o aniversário da morte da mãe da protagonista Sidney, então com 16 anos, e afeta as vidas de todos aqueles envolvidos com ela pessoalmente e com a investigação do brutal assassinato de Maureen Prescott no ano anterior. Ghostface é representado por dois assassinos, o namorado de Sidney, Billy Loomis, que culpa a mãe da garota pelo abandono de sua própria, e o melhor amigo dele, Stu, que é absoluto coadjuvante e utiliza suas tendências psicóticas para vingar-se da ex namorada, a personagem de Drew Barrymore que é morta na sequencia inicial do filme.

A sequência se passa 2 anos após o primeiro filme, e Sidney está na faculdade. Uma das sobreviventes do massacre inicial, a repórter Gale Weathers, escreve um livro sobre o acontecido e os direitos da história são vendidos para o cinema. A estréia do longa no cinema é o gatilho para dar início a uma nova onda de crimes em volta da garota. Novamente, a persona de Ghostface é apresentada por dois assassinos. O principal deles sendo a mãe de Billy Loomis em uma tentativa psicótica de vingar a morte do filho ao terminar o trabalho iniciado por ele. O segundo assassino, Mickey, assim como Stu, não possui uma razão concreta exceto exercer suas tendências suicidas.

A última parte da trilogia inicial ocorre cerca de 4 anos depois. Sidney já está formada e escondida pelo Programa de Proteção às Testemunhas, vivendo isolada sob uma identidade falsa. A única pessoa com quem ela mantém um mínimo de contato é o ex policial que acompanhou de perto seus traumas, Dewey. O filme baseado nos acontecimentos da primeira história se tornou uma franquia de sucesso e sua terceira parte está em produção, até que os atores começam a morrer brutalmente na mesma ordem em que seus personagens morrem no roteiro, atraindo Sidney para fora de seu esconderijo. A narrativa se aprofunda na vida de Maureen Prescott nos anos antes do nascimento de Sidney, levando-a a descobrir que há muito mais por trás do ataque de Billy e Stu anos antes do que ela acreditava, incluindo um irmão perdido. Pela primeira vez, Ghostface é representado por um única assassino, o diretor Roman, responsável pela produção do filme e meio-irmão perdido de Sidney, que a culpa pelo abandono de Maureen. É revelado que ele próprio foi responsável por incentivar e treinar as atitudes de Billy desde o início. Ao encarar Roman e vencê-lo, Sidney se considera finalmente livre e preparada para deixar seu passado para trás.

15 anos após o lançamento do filme original e quase 10 anos após o final da trilogia, o roteirista Kevin Williamson, criador da franquia, se uniu novamente a Wes Craven para dar vida à mais um filme da franquia utilizando o elenco original sobrevivente bem como uma nova geração de astros teen. Sidney retorna à sua cidade natal no aniversário de 15 anos do massacre para lançar seu livro de auto ajuda no qual se propõe a auxiliar pessoas com traumas semelhantes aos seus. No entanto, esse retorno não é nada bem recebido, trazendo Ghostface de volta à ativa. Seguindo a linha da trilogia original, o filme evoca as regras do cinema Slasher, revelando à Sidney que a era da internet e do imediatismo dos reality shows mudou todas as regras que ela achou que conhecia. a prima adolescente de Sidney, Jill, se encontra subitamente no centro destes brutais assassinatos, perdendo seus amigos um a um em mortes transmitidas ao vivo pela internet, fazendo Sidney reviver os terrores de sua própria adolescência. Ghostface retoma sues formato antigo, sendo evocado por dois assassinos adolescentes: Charlie, o namoradinho de Jill, assume o papel anteriormente vivido por Stu e a própria Jill se revela como a principal mente por trás dos assassinatos. Sua motivação é assumir o papel de sidney como a estrela da família e se tornar uma celebridade, assim como a prima que ela tanto deseja se tornar.

Tanto Wes Craven quanto Kevin Williamson já declararam possuir contratos de compromisso com a 5ª e a 6ª parte desta franquia, dando continuidade aos eventos testemunhados no último filme, mas ambos declararam que esta obrigação dependeria muito de um roteiro bem estruturado que mantenha viva a metalinguagem que caracterizou o sucesso da franquia.

SALDO DE MORTES:

Scream 1 (1996): 8 | Scream 2 (1997): 10 | Scream 3 (2000): 10 | Scream 4 (2011): 15

 

Estas são as MINHAS franquias favoritas. e as de vocês? Alguma sugestão não inclusa aqui?

Anúncios

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s