5 episódios imperdíveis de “LOST”

lost-2A série foi um fenômeno em todos os aspectos possíveis, de audiência à crítica passando por investimentos, anunciantes e mobilização mundial. Acabou decepcionando a maioria dos fãs em sua temporada final (eu me incluo nesse grupo nada seleto) mas, ainda assim, pode ser considerada uma das maiores séries de todos os tempos. Escolher apenas 5 episódios foi bem difícil, mas segue abaixo a minha lista dos mais imperdíveis entre mais de 100 exibidos em seus 6 anos de existência. Vamos lá?

5. TRICIA TANAKA IS DEAD (Episódio 3×10)

DANIEL DAE KIM, JORGE GARCIA, JOSH HOLLOWAYAntes de qualquer coisa, é preciso admitir que o Hurley é o personagem mais fofo da história da televisão! Se eu encontro o Jorge Garcia na rua, pulo no pescoço dele primeiro e cumprimento depois! Tirado isso do caminho, falemos do episódio. Aqui entendemos a relação dele com o pai que o abandonou quando criança e como a sua relação com a comida é uma auto defesa contra este trauma. O roteiro em si é mais engraçadinho do que qualquer coisa, mas na visão geral, trata-se de uma mensagem de esperança e, ao final da temporada, é com a Kombi deste episódio que Hurley acaba salvando a vida de seus amigos. Na insistência e teimosia dele, percebesse a busca por algo maior, por pequenas conquistas dentro deste universo que ele são incapazes de controlar e a influência deste espírito dele sobre outras pessoas, em especial Sawyer e Jim, que desenvolvem um vínculo de amizade por meio destes acontecimentos, além de Charlie que, à espera da própria morte, percebe que ainda há a possibilidade da felicidade mesmo em face da tragédia.

4. THE BRIG (Episódio 3×19)

Locke-and-Anthony-CooperMuito além da surpresa de cruzar os caminhos entre Sawyer e Locke, este momento é definitivo para decidir o destino de John Locke, talvez o mais importante personagem de toda a série, o único que compreendera desde o princípio a significância da chegada do grupo à ilha, embora superestimasse sua própria importância. Neste episódio, Locke finalmente descobre em si próprio a capacidade de enfrentar o pai, responsável por toda a miséria em sua vidinha inútil, e decide assassiná-lo para poder assumir sua suposta liderança ao lado de Ben Linus. Locke mostra à partir deste momento um lado seu egoísta até então quase inédito, manipulando Sawyer para seu próprio benefício e, assim, conquistando seu lugar entre “Os Outros”, mesmo sem compreender que aquele era o plano de Ben para manipulá-lo desde o princípio de sua relação. Esta decisão dele é o estopim do arco que leva à sua morte e, consequentemente, à batalha final entre Jack e o Homem de Preto.

3. THE CONSTANT (Episódio 4×05)

43966De longe, um favorito do público. Absolutamente compreensível, certo? Além de emocionante ver o telefonema entre Desmond e Penny em pleno natal, o episódio é complexo, espetacular e a melhor explicação possível sobre a ilha até aquele momento da série. Quem não se apaixonou pelo excêntrico Daniel Faraday durante estas emocionantes 42 minutos que atire a primeira pedra! Eu já gostava do personagem de Desmond mas, aqui, em sua implacável busca por Penny e o desejo de salvar a todos, ele se tornou o meio grande herói. Não fosse o bastante, eis que a narrativa de The Constant é essencial para o resgate de 6 da Oceanic após a busca de sua namorada. Ainda acredito que muito fãs continuaram assistindo a série depois de perder a mão por causa deste episódio.

2. THE VARIABLE (Episódio 5×14)

large_lost-the-variableDiretamente relacionado à The Constant, este episódio (o 100º da série, por sinal) é o começo do fim. Daniel Faraday decide que ele é o elemento variável que pode alterar o futuro e salvar a todos que estão presos na ilha. Porém, ao fazê-lo, acaba enfrentando sua própria mãe, ainda jovem, e é morto por ela, entendendo então que aquele sempre fora seu destino. No entanto, Jack parece não concordar e decide continuar a missão aonde Faraday foi interrompido. Essa sucessão de eventos gera a disrupção necessária para que o Homem de Preto possa vir a caçar os candidatos de Jacob e finalmente deixar a ilha à qual se encontra confinado há milênios.Todo o conceito de variável de Daniel nada mais é do que pura ilusão, especialmente após assistirmos ele se despedir de Charlotte com as exatas palavras que ela lhe narra em seu leito de morte, abrindo mão da única mudança da qual tinha controle e conhecimento prévio. Em si, o episódio não é tão bom quanto seu par mas, na visão macro da série, é de tanta importância quanto e igualmente imperdível, especialmente ao considerarmos a extensa quantidade de informações científicas complexas…

1. WHAT THEY DIED FOR (Episódio 6×16)

616-jack-cup-96Não, o final da série não é tão relevante assim. O penúltimo episódio foi muito mais importante para definir quem são essas pessoas e por que foram escolhidas para estarem ali naquele momento exato, o que faz deles candidatos.Após a morte trágica e emocionante de Sun, Jin e Sayid, o misterioso Jacob finalmente se manifesta pessoalmente diante dos candidatos restantes informando-os de que não há um eleito entre eles e Jack (é claro) se voluntaria para assumir o papel de protetor da ilha. A importância deste episódio está na inversão de papel do protagonista. Depois de tanto renegar seu papel de liderança e lutar contra todas as evidências de que a ilha era uma entidade maior do que apenas um polo magnético, Jack finalmente se rende aos apelos fanáticos de Locke. O final em si não é mais relevante. Nós sempre soubemos que o bem triunfaria sobre o mal, mas este é o momento em que chega ao ápice a saga do herói de Jack, abrindo mão de todos os seus impulsos egoístas, inclusive de Kate, em função de um chamado do destino.

Anúncios

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s