5 filmes hipster que você não precisa ser hipster pra curtir

Antes de qualquer coisa, é preciso entender o que diabos é um hipster, certo? Bom, segundo Mark Greif, professor de literatura americana da New School University, a definição é simples: “Hipster é alguém que quer o lado cool da contracultura e da rebeldia juntamente com os privilégios de riqueza e do consumo — querendo sempre saber de tudo antes dos outros”.

A realidade? Hipster é aquele chara chato que só gosta de uma banda por que ninguém mais conhece, que só assiste filmes que ninguém mais viu e que usa óculos de aro grosso sem lentes por que alguém disse pra ele que é legal. Mas a cultura hipster também pode trazer muita coisa bacana, como no caso do cinema. Montei aqui uma lista de 5 filmes hipster que todo apaixonado pela sétima arte deveria assistir, e que você não precisa ser hipster pra curtir…

05. ZOMBIELAND

zombieland-films-photo-1Pra começar, o filme traz no elenco três dos maiores símbolos hipsters do cinema: Jesse Eisenberg, Emma Stone e Abgail Bresslin. Além disso, utiliza uma linguagem completamente sardônica para abordar o tema mais cool dos últimos anos: O apocalipse zumbi!

Seguindo uma série de regras levemente humorísticas, seguimos a história de quatro sobreviventes que se cruzam pela estrada e decidem seguir juntos para um lugar mais seguro em meio ao caos e a destruição.

Por que é hipster? Por que o filme consegue ser melancólico e engraçadíssimo ao mesmo tempo, faz apologia à astros de comédia do século passado, possui um visual ultra-colorido que se diferencia dos padrões dos filmes pós apocalípticos, é violento sem ser agressivo e  é sexy de uma maneira embaraçosa.

04. O GRANDE LEBOWSKY

thUm dos melhores Stoner Movies de todos os tempos, este filme não faz o menor sentido na maior parte do tempo, mas é absolutamente genial. Um grupo de mafiosos confunde o Lebowsky desempregado (que se autodenomina “O Cara”) com um milionário e estraga seu tapete. O Cara decide cobrar o milionário pelo tapete e acaba se envolvendo no resgate do sequestro da esposa dele, o que afeta sua competição de boliche e a vida de seus dois melhores amigos, tão loucos quanto ele próprio.

Por que é hipster? Porque o filme todo é uma grande apologia às drogas, ao álcool, ao sexo e à vida fácil. Porque o Jeff Bridges passa o filme todo de suéter, calças estampadas e chinelos com um copo de White Russian na mão, por que todo o visual do filme é totalmente blasé e a história não passa de uma comédia de erros com breves momentos sentimentais entre o maior hippie da história e um ex veterano de guerra.

03. JUNO

juno-films-photo-1Juno talvez seja o maior filme hipster da década passada, no qual uma garota extremamente cabeça aberta engravida de seu melhor amigo e decide dar o bebê para adoção. Juno transformou Ellen Paige e Michael Cera em dois dos maiores atores jovens de sua geração e se tornou referência de cinema independente ao receber o Oscar de Melhor Roteiro Original.

Por que é hipster? Pra começar, a roteirista que ganhou o Oscar é uma ex-stripper. Você soma isso à uma trilha sonora composta quase exclusivamente por artistas desconhecidos, colocando The Moldy Peaches no iPod de todos os jovens, a trilha sonora foi lançada em vinil colorido, as referências pop vão de David Bowie à Thundercats, metade do elenco foi tirado de “Arrested Development”… Preciso dizer mais alguma coisa?

04. DONNIE DARKO

donnie-darko-films-photo-1Antes de se tornar símbolo sexual, Jake Gyllenhaal fez o papel de um adolescente extremamente problemático que passa a sofrer assustadoras crises de sonambulismo após uma turbina de avião cair sobre a sua cama. Não há evidências da aeronave de origem e Donnie escapa da morte por mero acaso. À partir daí, o filme se torna uma confusa discussão: Ele viajou no tempo ou é apenas esquizofrênico?

Por que é hipster? O filme se passa nos anos 80 sem utilizar as características mais caricatas de década, apostando na nostalgia do início da década, a trilha sonora é totalmente marcada pelo tempo, sendo que o filme inicia com The Killing Moon e termina com Mad World. Mas, acima de tudo, o que torna este um filme hipster é o fator que, se alguém disser pra você que não gostou, você pode fazer cara de blasé e responder: “É por que você não entendeu”.

05. ALTA FIDELIDADE

220px-HighfidelityDVDNos anos 90, John Cusack era a maior idolatria das meninas descoladas. Com essa cultura, seu papel como Rob Gordon na tentativa de superar seu mais recente pé na bunda revisitando as cinco mulheres que partiram seu coração antes da atual foi um grande marco na sua carreira. Rob Gordon é um perdedor de marca maior, com um emprego mal pago e várias falhas de caráter, mas que vive em função de sua maior paixão: a música. Não que ele toque alguma coisa, ele simplesmente admira. Este filme é um espetáculo de roteiro, assim como o livro que lhe deu origem e deve ser assistido por todo mundo, especialmente depois de um pé na bunda: vai te fazer reavaliar a própria vida!

Por que é hipster? Bom, em primeiro lugar o filme traz John Cusack ao lado de Jack Black. O filme faz uma declaração de amor à música em sua forma mais primitiva: Mix tapes. Sim, estamos falando de vinis e fitas cassete! Nem CDs entram nessa lista! Você soma isso à mania de organização esquizofrênica de Rob Gordon com todas as suas falhas de caráter e seu estilo “sujo despojado” e você encontra a essência de tudo aquilo que os hipsters modernos tentam emular!

Anúncios

One thought on “5 filmes hipster que você não precisa ser hipster pra curtir

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s